Quais são os melhores campos de atuação em engenharia?

Quais são os melhores campos de atuação em engenharia?
26/06/2019

São diversas as razões para alguém escolher algum dos diversos cursos de engenharia como opção de graduação.

E, apesar de ser importante valorizar as afinidades com esta grande área de estudos, a decisão sobre a carreira costuma considerar também quais são os melhores campos para atuar após a obtenção do diploma.

Ao se formar, o profissional de engenharia, seja ele um engenheiro civil, químico ou um engenheiro ambiental, irá usar suas habilidades lógicas e sua capacidade de pensamento totalizante e analítico para implementar melhorias no cotidiano das pessoas.

A área de engenharia, de forma geral, envolve diferentes nichos no mercado de trabalho - e daí os vários tipos de engenharia existentes. E muitas formas de atuação estão interligadas, mas algumas são mais promissoras do que outras.

Então, quais são os melhores campos de atuação de engenharia? E como o contexto de transformação das relações de trabalho pela Indústria 4.0 está influenciando na carreira como engenheiro?

Acompanhe o post e descubra onde estão as grandes oportunidades para atuar profissionalmente como engenheiro e obter retornos positivos na carreira.

A carreira do engenheiro

Como uma área ampla de atuação, a engenharia é a responsável por canalizar os conhecimentos científicos e analíticos para a construção e invenção de sistemas, estruturas e objetos que promovam a solução de problemas para a vida e o trabalho.

O engenheiro é responsável, nos diversos tipos de engenharia, pela gestão, planejamento e condução de projetos. Assim, é exigido uma capacidade de gerir pessoas, processos e equipamentos para que tudo funcione da melhor forma possível, não haja desperdícios e os prazos sejam cumpridos.

Nessas áreas, um cargo médio como coordenador, por exemplo, pode garantir salários entre R$ 7 mil e R$ 12 mil. Entretanto, com a ampliação dos vestibulares e a popularização dos cursos de engenharia, o mercado está se tornando cada vez mais exigente.

Segundo a Confederação Federal de Engenharia e Agronomia (CONFEA), o Brasil forma cerca de 40 mil engenheiros por ano. Outra pesquisa, esta realizada pela Universidade de São Paulo (USP), mostra que, entre 2010 e 2015, o número de ingressantes em cursos de engenharia nas universidades privadas cresceram de 125.173 para 259.811.

Segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), em 2020 estima-se que haverá entre 1,5 e 1,8 milhão de pessoas formadas na área de engenharia. Por isso, ainda que o mercado esteja aquecido e que muitas inovações continuem sendo implementadas no país, é importante conhecer quais as melhores oportunidades na área após a formação.

Melhores campos para atuar como engenheiro

Hoje os setores de engenharia que estão em alta, além da construção civil e de automação, são também a área de petróleo e gás e a área de engenharia da computação e dados as mais promissoras.

Conforme pesquisa divulgada pelo IPEA, os setores que atuam com máquinas, aparelhos e materiais elétricos e com a construção continuam contratando de forma intensa, pois o uso de engenheiros promove o aumento da produção. Além disso, são campos de engenharia que estão conectados a outras demandas produtivas da economia nacional.

Engenheiros na Indústria 4.0

Com a implementação da Indústria 4.0, que está tornando a mecanização cada vez mais inteligente, todas as atividades que envolvem a automação da indústria estão em alta.

Para realizar essas implementações, os engenheiros de computação e de dados estão sendo requeridos, já que são capazes de implementar sistemas digitais no setor. Além disso, pessoas com especialização em manutenção e correção destes equipamentos também encontram um mercado de trabalho fértil.

Engenharia civil

Quem também domina conhecimentos em Impressoras 3D, que hoje já realizam construções sem a necessidade de trabalho braçal, poderá encontrar ótimas oportunidades. Isso porque, empresas inovadoras do setor de construção, estão avaliando as efetivas melhorias que estes equipamentos podem trazer.

Engenheiro de energia

A área de energia, petróleo e gás, é uma das que continua avançando. No Brasil, em particular, com o descobrimento da camada de Pré-Sal, a demanda de profissionais altamente qualificados também cresceu.

Além disso, sendo uma área essencial para todos os outros setores, a área de energia, focada em elétrica, eólica ou outras, torna-se um setor com demanda constante de contratação. Em grandes empresas do setor, como as que gerem hidrelétricas e a própria Petrobrás, engenheiros de projetos, engenheiros de orçamento e do trabalho também são buscados.

Outros campos de engenharia

Ainda assim, não é apenas nessas áreas que engenheiros formados podem trabalhar. Como antecipado, devido aos cursos permitirem o desenvolvimento de outras habilidades, esta formação é muito mais flexível do que outras áreas e permite uma atuação nas chamadas “áreas cinzas”.

A capacidade analítica e de solução de problemas atrai muitos engenheiros para junto a bancos e consultorias, por exemplo. Outros engenheiros ainda são requisitados para auxiliar em vendas, por conhecerem tecnicamente e agregarem valor na apresentação de algum produto ou serviço especializado.

São vários os campos de engenharia em que se pode atuar após a formação. Se você está buscando vagas de emprego no setor, acesse o site da Engenha e descubra as oportunidades de trabalho disponíveis em sua cidade ou estado!

Compartilhe

Veja também: