Como manter bons profissionais na empresa?

Como manter bons profissionais na empresa?
14/10/2019

Um dos grandes desafios dos departamentos de recursos humanos e gestão de pessoas é a retenção de talentos. Afinal, a competitividade do mercado de trabalho somada à busca por profissionais cada vez mais qualificados, emocional e profissionalmente, torna esta uma tarefa desafiadora.

Cada vez mais, as empresas buscam se antecipar, adotando modelos de gestão analíticos e propositivos, para evitar a prática das advertências e demissões, e reduzir custos operacionais e promover retornos positivos.

As novas exigências do trabalho apontam a necessidade da gestão de pessoas em identificar e reparar falhas em procedimentos internos e promover melhorias que auxiliem na construção de um bom clima organizacional. Fatores como esses têm sido cruciais para manter bons profissionais na empresa.

Se a sua empresa está com dificuldade em atrair e reter talentos, continue a leitura desse texto que o Engenha preparou para você e descubra como criar um ambiente de trabalho que seja interessante para os melhores profissionais do mercado.

Exigências do mercado de trabalho

As novas dinâmicas trabalhistas, impulsionadas pela indústria 4.0 envolvendo tecnologia, inovação e complexidade, têm alterado as necessidades do mercado no que diz respeito ao capital humano.

De um lado, as empresas estão aumentando suas exigências, demandando profissionais qualificados tecnicamente, mas também criativos e inovadores. Ao mesmo tempo, buscam reduzir os custos com processos seletivos e criar condições para aumentar a produtividade dos funcionários e atingir as metas.

Do outro, os profissionais têm se debruçado para desenvolver distintas habilidades e manterem-se atualizados, buscando por empregos que tragam satisfação pessoal e possibilitem um padrão de vida de qualidade.

Essa mudança no mundo do trabalho torna também cada vez mais difícil a permanência dos talentos em uma determinada empresa, por um período de tempo considerável.

Manter bons profissionais na empresa

Para superar esses grandes desafios, existem atitudes em gestão de pessoas que têm solucionado as angústias e exigências dos profissionais e contribuído para que eles optem por ficar na empresa.

Tornou-se necessário que as empresas consigam identificar as necessidades de seus colaboradores, considerando seus sonhos e expectativas, para proporcionar um trabalho interessante e atrativo.

Além disso, a valorização de um bom clima organizacional, livre de estresses intensos e da sensação de insegurança são aspectos muito valorizado hoje por bons profissionais. Para identificar tais preferências, um mapeamento dos perfis desses profissionais por meio de avaliações de desempenho tem se mostrado crucial.

Dicas práticas para retenção de talentos

1. Avaliação de desempenho

Como mencionamos, uma forma de entender as necessidades e as dificuldades dos trabalhadores é realizando avaliações de desempenho periódicas.

Essa metodologia permite antecipar a compreensão de conflitos e traçar estratégias para evitar o agravamento de situações difíceis, que possam resultar na saída de um talento. Além disso, permite que os gestores dêem e recebam feedbacks, construindo um espaço mais seguro e sociável para líderes e funcionários trabalharem.

2. Bom clima organizacional

O clima organizacional tem sido crucial para que talentos sejam mantidos em uma empresa. Pessoas com boas qualidades pessoais e profissionais costumam buscar locais de trabalho que tragam satisfação pessoal e boa qualidade de vida.

Nesse sentido, os valores e a cultura da empresa são cruciais e trabalhá-los no cotidiano profissional auxilia na construção de um bom clima organizacional.

3. Capacitação

Promover capacitação e formação, seja técnica ou voltada para habilidades interpessoais, contribui para a fidelização dos profissionais. Ao permitir oportunidades educacionais, estes talentos se sentem mais desafiados, revigorando suas expectativas nas tarefas que executam. Além disso, as formações permitem que eles tenham mais recursos para empregar e atingir as metas e os objetivos traçados.

4. Benefícios

Muitos profissionais também são conquistados pelos benefícios que a empresa oferece, além do salário. Além das formações, opções para alimentação e saúde são grandes atrativos.

Entre os mais bem avaliados estão o vale refeição e vale alimentação, flexibilidade no horário de trabalho, e descontos em academias e outros espaços esportivos. Estes últimos ainda contribuem para a saúde física e emocional do funcionário, o que reflete em sua produtividade e disponibilidade emocional no momento do trabalho.

Gostou dessas dicas? Então clique aqui e saiba qual a importância da inteligência emocional para o ambiente de trabalho!

 


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada.

Compartilhe

Veja também: